Arquivo de maio, 2014


 

Vemos hoje nas mídias sociais corriqueiros  vídeos de quatro ou cinco minutos que fazem milhares de pessoas postarem suas opiniões sobre aquele fato, mas o que mais assusta é que as opiniões são demasiadamente simplistas, sem fundo ou sem propósito político.

Hoje me deparei com um vídeo do Senador Jair Bolsonaro onde ele apresenta propostas para presidência, onde em apenas quatro minutos ele consegue mostrar sua homofobia descarada, seu amor pela ditadura militar sem contar o total desprezo pelas causas indígenas, como eles fossem os invasores e não nós, poderia relatar aqui todo o vídeo, mas ficaria nojento demais este post.

O que me assustou foram as pessoas comentando “agora eu tenho um candidato”, outros ainda “este sim é o melhor para nosso país” e por ai se foi toda forma de comentário simplista e maculado em relação ao nosso país.  Fico pensando até onde estas pessoas acompanham política, se elas procuram se informar, se elas sabem o que realmente fez nosso presidente governador nos últimos dias ou se orientam simplesmente pelos noticiários tendenciosos da TV Globo e demais genéricos de jornalismo.

Fico pensando também se elas se preocupam com nosso governador e também me pego a pensar sobre o que elas pensam sobre o aborto, sobre o combate a droga que nunca funcionou no país, sem contar a fadigante e falida ideia de que a redução da maioridade penal vai resolver o problema em um país onde os que podem ser julgados ficam pouco tempo na cadeia e não passam por uma forma de recuperação. Será que as pessoas não sacam isso? Será mesmo que todos podem ser enganados ainda com ideologias tão pobres e simplistas?

Uns acreditam que é matando que se resolve, mas estes não pensam em recuperar a pessoas transgredida como se na vida nunca tivesse cometido um erro, outros acreditam que a solução é o militarismo, e estes ainda em minha opinião não tem ideia do que foi esta época em nosso país. Tem aqueles ainda que são piores, são aqueles que acham que política não presta! Ora! O que não anda prestando ultimamente é a opinião do povo! Os políticos são escolhidos  por nós mas ninguém se preocupa em selecionar seu voto! Votam na maioria das vezes pela probabilidade de ganhar nas urnas e não de resolverem os problemas em sua volta. Tem aqueles ainda que votam para ganhar algo em troca como um emprego, ou um “bolsa família” (tem candidatos a vereador que usa como moeda de troca), sem contar aquele saco de cimento que é tão tradicional nas cidades pequenas, e ainda os beneficiados enchem a boca em dizer “peguei mas votei em outro”, como se isso fosse justiça! Vale lembrar para estes idiotas corruptos travestidos de eleitores que este dinheiro que pagou o “saco de cimento” é o dinheiro que vai faltar quando ele precisar da saúde pública ou de uma escola de qualidade.

Em épocas de opiniões pobres ou confusas podemos observar como as pessoas ficam mais vulneráveis a manipulação, vou citar aqui um exemplo que anda me incomodando muito nos últimos dias. É o fato dos políticos que estão sendo julgados. Se hoje temos um Governo Federal que deixa as investigações transparecerem e os julgamentos acontecerem , deveríamos agradecer, afinal, em qual governo anterior os presidentes deixavam as investigações acontecerem? Ai vem a oposição interesseira, que na verdade tudo gira em torno do interesse e terrorismo político, e nunca a favor do povo, logo julgando que tal governo é um absurdo, que é corrupto e tal e por ai vai todo quiproquó de sujeiras. Ai vem a questão: Estão caçando os corruptos, porque a gente está achando ruim?Antes era tudo nas escondidas e agora a justiça está sendo feita no ceio do próprio Governo com seu consentimento e com sua transparência.

Acho que as pessoas preferem ser enganadas, acho que preferem um país que esconde toda a forma de corrupção e que os noticiários fiquem mais coloridos com as mentiras pregadas pelo grande teatro do marketing político.

Não tão longe como o assunto acima citado na esfera Federal, vem as cidades pequenas, como  Crucilândia que vem sofrendo a mais de dez anos com a falta de transparência e com ações altamente nociva a dignidade do povo, como salários altos de parentes de prefeitos nestes mandatos, concursos públicos com várias aprovações suspeitas sem contar o brutal enriquecimento das pessoas ligadas ao governo e os cargos cedidos a parentes de vereadores, que no qual são parte apoiadora do Poder Executivo, fazendo assim calar diante várias irregularidades  que são vistas a olho nu pela população.

Podemos pegar casos que beiram o ridículo como lotes e terrenos sendo doados a pessoas nada carentes, podemos também pegarmos casos sem respostas como “carro oficial” do gabinete envolvido em acidentes em madrugadas de Domingo que até mesmo o próprio reboque foi colocado na conta do contribuinte da cidade. Se formos olhar mais a fundo vem os altos gastos em diárias de pessoas ligadas a cúpula do governo e por ai vai, sem contar que quando estas polêmicas estouram eles desaparecem literalmente do meio público para serem esquecidos.

Para finalizar podemos nos questionar de quem é o problema das más gestão, podemos nos perguntar também porque nos calamos diante de tais atos e vamos reclamar dentro de casa ou nas esquinas ao invés de cobrar os nossos políticos.

Temos que entender que eles são eleitos para nos servir, mas na verdade eles estão usando seus cargos para procurarem um padrão de vida acima da média, eles estão procurando a política para se enriquecerem! Afinal, quem precisa de R$ 14.000,00 mensais para sobreviver? Neste caso em falo em específico ao prefeito de Crucilândia, que a cada ano que passa tem seu salário junto com o de vereadores e secretários reajustados da forma mais alta que a lei permite.

A justiça social é feita nas urnas, se a gente não entender isso os prejuízos da corrupção serão irreversíveis.

Anúncios